Após gastar quase R$ 2 bi com leite condensado & cia, Bolsonaro corta leitos de UTI para Covid

06/02/2021 11:48

Vagas em unidade intensiva na rede pública foram reduzidas à metade. Ministério da Saúde diz que precisa de R$ 5 bilhões para resolver o problema. Se o governo federal não tivesse feito tantos gastos com compras suspeitas de alimentos, déficit seria só de R$ 3 milhões.

Publicidade

Presidente gasta errado o dinheiro do povo. Foto: Agência Brasil.
Presidente gasta errado o dinheiro do povo. Foto: Agência Brasil.

Educação | Após vazar compras do governo federal de quase R$ 2 bilhões com leite condensado, bombom, chiclete e outros itens, o presidente Bolsonaro — através do Ministério da Saúde — anuncia que não tem dinheiro para leitos de UTI para Covid-19. Informação sobre isso está em matéria de hoje (6) do Globo.

Consequência da falta de dinheiro: vagas em unidade intensiva na rede pública poderão ser reduzidas à metade ou menos disso. O MS pede ao Ministério da Economia R$ 5 bilhões para resolver o problema. 

Se o governo federal não tivesse feito tantos gastos com compras suspeitas de alimentos, déficit seria só de R$ 3 milhões. Continua, após o anúncio.

O caos

Segundo também O Globo:

"O Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) revelou que o número de leitos habilitados para a doença com custeio do governo federal cairá dos atuais 6.830 para 3.187 até o fim de fevereiro. Eram 7.717 em janeiro."

"Os estados já manifestam preocupação com a falta de auxílio da União para o combate à pandemia."

Em síntese: mais mortes à vista.

Além dos leitos de UTI, veja o que daria para fazer com os quase R$ 2 bilhões que Bolsonaro gastou de maneira muito suspeita.

O que dá para fazer com R$ 1,8 bi

Pagar Piso Nacional do Magistério, que atualmente é R$ 2.886,24, para:

5.419 professores, apenas com os R$ 15.641.777,49 do leite condensado. Com R$ 1,8 bi, dá para pagar o piso para 632.648 docentes. 

Continua, após o anúncio.

Pagar Salários Mínimos. R$ 1.100, valor de 2021:

14.219, apenas com os R$ 15.641.777,49 do leite condensado. E 1.636.363 de mínimos, com R$ 1,8 bi.

Cestas Básicas, ao preço de R$ 453,16 cada

34.517, apenas com os R$ 15.641.777,49 do leite condensado. E 3.972.106, com R$ 1,8 bi. 

Casas Populares, ao preço de R$ 85 mil cada.

184, apenas com os R$ 15.641.777,49 do leite condensado. E 21.176, com R$ 1,8 bi.

Quentinhas, ao preço médio de R$ 15,00 cada

1.042.785, apenas com os R$ 15.641.777,49 do leite condensado. 120.000.000, com R$ 1,8 bi. 

Faça uma pequena doação de qualquer valor, para ajudar a cobrir os custos de manutenção do site. Caso não possa ou não queira colaborar, continue a nos acessar do mesmo jeito enquanto estivermos ativos. Gratos.

Curta nossa página e receba atualizações sobre este e outros temas!

Mais recentes sobre educação...