Pec do calote nos professores passa na CCJ do Senado

30/11/2021

Texto parcela até 2024 o que era para ser pago integralmente em 2022, mas ratifica que 60% dos recursos devem ir para os profissionais do magistério. Matéria vai agora ao Plenário. 

Presidente Jair Bolsonaro conta com dinheiro dos professores e de outros credores da União para custear o programa eleitoreiro "Auxílio Brasil" em 2022. Foto: Agência Brasil.
Presidente Jair Bolsonaro conta com dinheiro dos professores e de outros credores da União para custear o programa eleitoreiro "Auxílio Brasil" em 2022. Foto: Agência Brasil.

Economia | Segundo a Agência Senado (30), "a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou nesta terça-feira (30), por 16 votos a 10, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 23/2021, conhecida como PEC dos Precatórios" ou Pec do Calote. A matéria foi encaminhada ao Plenário dessa casa legislativa. Para ser aprovada em definitivo, deverá ter no mínimo 49 votos.

Magistério

Um dos principais atingidos por essa proposta do presidente Jair Bolsonaro é o pessoal do Magistério. Texto que foi aprovado hoje no Senado mantém parcelamento, mas ratifica medida positiva aprovada na Câmara dos Deputados. Continua, após o anúncio.

Parcelamento

Texto aprovado pelos senadores parcela até fim de 2024 o que era para ser pago integralmente aos educadores em 2022, prejudicando principalmente os estados da Bahia, Pernambuco, Ceará e Amazonas.

Cronograma:

  • 40% até 30 de abril de 2022;
  • 30% até 31 de agosto de 2023;
  • 30% até 31 de dezembro de 2024.

 60% para os profissionais da educação

Maioria no CCJ do Senado ratificou que 60% dos recursos devem ir para os profissionais do magistério, medida esta aprovada na Câmara. Leia aqui


Compartilhe e curta abaixo nossa página no Twitter e Facebook, para receber atualizações sobre este tema. E aproveite também para deixar uma pequena doação ao nosso site.

Ajude com uma pequena doação de qualquer valor. Temos custos a pagar todos os meses e, para manter nossas publicações, precisamos de seu apoio. Se não quiser ou não puder doar, continue a nos acessar do mesmo jeito. Gratos.

Chave para Pix

E-mail: pix@deverdeclasse.org

João R P Landim Nt

Siga-nos!

Mais recentes sobre economia

Lei Complementar contra o magistério, sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro em março deste ano, desconsiderou — para efeito de vários e importantes benefícios — quase dois anos de trabalho dos profissionais da educação, maio de 2020 a 31 de dezembro de 2021, fase crítica da pandemia de Covid-19. Na prática, é como se o magistério não tivesse...
Anúncios de pagamento devem se intensificar no mês de dezembro. Expectativa é que muitos estados e inúmeros municípios paguem o abono aos profissionais do magistério. CNTE luta para mudar critério de distribuição.