Oportunista, Ciro diz hoje na Folha que com Bolsonaro Brasil vai melhorar! Leia e compartilhe...

01/01/2019 11:01

Ciro já foi aliado da ditadura militar e da esquerda. Agora, quer aproximação com Bolsonaro. Oportunista profissional.
Ciro já foi aliado da ditadura militar e da esquerda. Agora, quer aproximação com Bolsonaro. Oportunista profissional.

"Para quem, como eu, tem o coração ligado na vida do povo, é inevitável a percepção de que as esperanças da maioria dos brasileiros se renovaram" 

Ciro | Em artigo neste 1º de janeiro, Ciro Gomes (PDT) diz que Jair Bolsonaro mudará o Brasil para melhor, mesmo com as promessas feitas pelo capitão de cortar direitos dos trabalhadores e instalar uma ditadura fascista no Brasil. Ciro, na prática, expressa com isso o forte oportunismo que marca sua carreira política até aqui.

Além de oportunista, Ciro é também um grande demagogo. Logo na abertura do seu texto na Folha, afirma: "Para quem, como eu, tem o coração ligado na vida do povo, é inevitável a percepção de que as esperanças da maioria dos brasileiros se renovaram, em larga escala pelo encontro sazonal do início de um novo ano com a posse de um novo governo." 

Como alguém que "tem o coração ligado na vida do povo" pode se aliar a um ditador que só fala em perseguir negros, índios, mulheres, gays e professores? Como alguém que "tem o coração ligado na vida do povo" pode ter esperanças num governo que é contra a educação e saúde públicas e diz ainda que exterminará de vez a CLT? Como, Ciro Gomes? Continua, após o anúncio.

Ciro Gomes responde: "Torço genuinamente que as coisas possam melhorar e até acho que melhorarão, ainda que modestamente." As coisas melhorarão para quem, Ciro Gomes? Para a maioria do povo agora ameaçada por um governo que se elegeu à base de fraudes? Como isto poderia acontecer? 

Ciro — para ser ainda mais coerente com essa puxação de saco ao novo governo — deveria logo era pedir um carguinho ao Bolsonaro. Com certeza, no fundo, é isto o que ele quer.

Mais recentes sobre Bolsonaro: