O silêncio vergonhoso de Moro em relação a possíveis ilícitos da família Bolsonaro! Leia, assista e compartilhe...

07/12/2018 17:01

Moro e sua boca de túmulo quando o assunto é possível falcatrua dos bolsonaros / Foto: Agência Brasil
Moro e sua boca de túmulo quando o assunto é possível falcatrua dos bolsonaros / Foto: Agência Brasil

Silêncio de Moro já era esperado. Ex-juiz condenou e prendeu Lula sem provas para favorecer Jair Bolsonaro e ganhar um cargo de ministro

Justiça | Sérgio Moro — ministro indicado para a Justiça no futuro governo Jair Bolsonaro — deixou ontem (7) sem resposta pergunta da imprensa sobre possíveis escândalos em que o filho e a esposa do seu chefe são citados em desdobramentos da operação lava-jato. Leia sobre os prováveis ilícitos AQUI, AQUI e AQUI. Recusa de falar sobre tal tema se deu na sede da transição de governo, onde Moro indicou os futuros chefes da Polícia Rodoviária Federal e da Secretaria Nacional do Consumidor. Informe é de hoje (7), no Estadão. Ver vídeo, após o anúncio.

Decepção

Comportamento do homem que comandou a lava-jato e condenou e prendeu ilegalmente o ex-presidente Lula desagradou até mesmo seus seguidores nas redes sociais. "Moro tem que demonstrar que não tem bandido de estimação e falar sobre qualquer caso de corrupção, mesmo que envolva a família do Bolsonaro. Nós o respeitamos e queremos que ele não tenha medo de nada. É errado não ter respondido a pergunta do jornalista", opinou pelo Facebook a paranaense Estela Freitas, eleitora do capitão.


Parcial

Silêncio de Moro em relação a possíveis escândalos que envolvem a família Bolsonaro já era esperado. O ex-juiz e futuro ministro só tem olhos para irregularidades — reais ou não — onde são citados dirigentes do PT. A prisão de Lula demonstrou que o ex-chefe da lava-jato foi capaz até de condenar uma pessoa sem provas, neste caso, para favorecer Bolsonaro, que deu um cargo de ministro ao chamado 'Mussolini de Maringá. Portanto, cabe à mídia independente e ao povo pressionar para que Moro investigue os possíveis ilícitos em que os bolsonaros estão no meio. Sem isso, a boca do Moro vira um túmulo.

Leia também: