Professores são mais confiáveis que militares para atuar nas escolas

08/06/2022
Lugar de militar é no quartel. Escola civil é para quem tem formação pedagógica adequada para isso. Imagem: Canva.
Lugar de militar é no quartel. Escola civil é para quem tem formação pedagógica adequada para isso. Imagem: Canva.

Pesquisa diz que 72% dos brasileiros veem falta de investimento e desvalorização dos profissionais do magistério como principais problemas da educação pública, não a questão da disciplina.

Educação | Pesquisa publicada no Estadão (3) revela que 72% dos brasileiros confiam mais em professores que em militares para atuar nas escolas públicas. Consulta foi encomenda pela Cenpec e pela Ação Educativa e ouviu mais de 2 mil pessoas.

O que falta é investimento e valorização dos professores

Para a ampla maioria dos entrevistados, os problemas maiores da educação pública são o baixo investimento no setor e a falta de valorização dos profissionais do magistério. A questão da disciplina, embora importante, não é vista como o principal dilema a ser combatido.

Após o anúncio, vote em nossa enquete sobre o tema e dê também sua opinião.


Compartilhe e curta abaixo nossa página no Twitter e Facebook, para receber atualizações sobre este tema. E aproveite também para deixar uma pequena doação ao nosso site.

Ajude com uma pequena doação de qualquer valor. Temos custos a pagar todos os meses e, para manter nossas publicações, precisamos de seu apoio. Se não quiser ou não puder doar, continue a nos acessar do mesmo jeito. Gratos.

Chave para Pix

E-mail: pix@deverdeclasse.org - João R P Landim Nt 

Siga-nos!

Mais recentes sobre educação

Ao todo, percentual de corte chega a 96% para 2023, o que é um enorme prejuízo para as crianças e profissionais que atuam na área. Educação de Jovens e Adultos (EJA) também foi tesourada em 56% de suas verbas. Um massacre em toda a Educação Básica