Em greve, docentes falam sobre dinheiro do Fundeb cair direto na conta dos educadores

18/02/2020 07:50

COMPARTILHE!

Educação / Medida acabaria o impasse sobre os reajustes anuais do piso do magistério.

Publicidade

Imagem: aplicativo Canva.
Imagem: aplicativo Canva.

Os professores da Rede Estadual de Educação do Piauí estão em greve desde o dia 10 deste mês. A adesão é de mais de 80%, segundo informes da direção do Sinte-Pi. 

O Dever de Classe conversou com alguns professores sobre a proposta de colocar o dinheiro do Fundeb direto na conta dos educadores, em vez de deixar as verbas sob administração de estados e municípios.

O processo seria gerenciado pelo MEC ou Banco do Brasil, instituição financeira que repassa todo mês milhões desse fundo para prefeitos e governadores. Continua, após o anúncio.

Aceitação

A ideia é bem aceita. A professora Albetisa Moreira — uma das mais experientes militantes das lutas da educação no Piauí — falou sobre o tema e disse que a medida é possível de ser implementada e seria uma saída para acabar com o impasse sobre os reajustes anuais do piso do magistério. 

O Editor do Dever de Classe, professor Landim Neto, deu entrevista sobre a proposta na Rádio Pioneira de Teresina, a mais importante da capital, onde também defendeu a ideia. Após o anúncio, veja as opiniões.

Proposta viável

O professor Landim Neto, por sua vez, destacou que a ideia é possível e necessária, porque ano após ano a maioria dos educadores vem sendo prejudicada em todo o Brasil. "A lei do piso é federal. O Fundeb é uma legislação federal. E o Banco do Brasil também é de âmbito nacional. É só fazer uma discussão séria em todo País que a medida poderá ser implementada. Quem pensar diferente, que mostre outra solução", falou.

Vote na enquete!

COMPARTILHE!

Ajude com uma pequena doação. Temos custos a pagar todos os meses e, para manter nossas publicações, precisamos de seu apoio. Se não quiser ou não puder doar, continue a nos acessar do mesmo jeito. Gratos.

Curta nossa página e receba atualizações sobre este e outros temas!

Anúncio

Mais recentes...