Bolsonaro deve devolver dinheirama gasta com cartão corporativo

17/01/2023

A princípio, foi divulgado gasto de cerca de R$ 27 milhões. Portal da Transparência, no entanto, diz que valor passa de R$ 75 milhões. Quem se beneficiou? Que empresas lucraram mais? O que foi comprado com tanto dinheiro?


Política | Foragido nos EUA, o ex-presidente Jair Bolsonaro tem muita coisa a explicar sobre a bandalheira que foi o seu desgoverno. À medida que o governo Lula quebra os sigilos de cem anos do capitão, mais sujeira aparece, como é o caso da farra com cartão corporativo.

A princípio, foi divulgado gasto de cerca de R$ 27 milhões. Portal da Transparência, no entanto, diz que valor passa de R$ 75 milhões. Quem se beneficiou? Que empresas lucraram mais? O que foi comprado com tanto dinheiro enquanto milhões de brasileiros passavam fome?

É preciso investigar e fazer Bolsonaro devolver centavo por centavo do que ele gastou de maneira ilícita. 

A mamata, como postou Guilherme Boulos (PSOL) no Twitter, foi divulgada e agora o povo quer o dinheiro de volta.

Continua, após o anúncio.

Onde o "mito" gastou tanto dinheiro? Foto: Fabio Rodrigues-Pozzebom/ Agência Brasil.
Onde o "mito" gastou tanto dinheiro? Foto: Fabio Rodrigues-Pozzebom/ Agência Brasil.


Boulos postou sobre a mamata

Cremos que você gosta de nossas publicações e quer nosso site sempre atualizado. Por isso, ajude com uma doação, pois temos vários custos a honrar todos os meses. Sem seu apoio, ficamos inviabilizados de dar sequência com regularidade ao nosso trabalho. Gratos, antecipadamente.

Chave para Pix

E-mail: pix@deverdeclasse.org

João R P Landim Nt

Siga nossa página e receba atualizações sobre este e outros temas!

Siga-nos!

Mais recentes sobre política...

Em seu perfil oficial no Twitter, presidente diz que o que viu em Roraima foi bem mais que uma crise humanitária, foi um genocídio. Se o crime foi premeditado, resta agora apurar e punir com rigor todos os responsáveis pelo massacre, a começar pelo senhor Jair Bolsonaro e ex-ministra e atual senadora Damares Alves.