Vale-refeição de juízes é maior que o piso dos professores previsto para 2020!

30/12/2019

COMPARTILHE!

Publicidade

Educação / Enquanto o piso do magistério é atualmente R$ 2.557,74 e pode passar em 2020 para R$ 2.886,15, benefício de magistrados supera R$ 3 mil.

Imagem: aplicativo Canva.
Imagem: aplicativo Canva.

O piso nacional do magistério deve sofrer em 2020 reajuste de 12,84% e passar de R$ 2.557,74 para R$ 2.886,15. Enquanto isso, segundo levantamento do Estadão publicado hoje (30), juízes e desembargadores de Pernambuco, Amapá e Acre colocaram no bolso um auxílio-alimentação que passou de R$ 3 mil por mês neste 2019.

O Estadão diz ainda que "o benefício pago pelo Tribunal de Justiça de Pernambuco chegou a ser o maior do País de maio a julho deste ano, com valores de R$ 4.320 a R$ 4.787."

"O Tribunal de Justiça do Amapá (TJAP) paga a seus membros um vale-refeição que vai de R$ 3.200 a R$ 3.546 mensais."

O TJ do Acre, por sua vez, "chegou a elevar o auxílio-alimentação para valores entre R$ 3.840 e R$ 4.255 em janeiro deste 2019."

E o piso dos professores, Ó!

COMPARTILHE!

Curta nossa página e receba atualizações sobre este e outros temas!

Mais recentes...

1932. O mafioso Al Capone começa, em Atlanta, a cumprir uma sentença de onze anos de prisão por sonegação de impostos.

1979. Margaret Thatcher vence as eleições gerais do Reino Unido e torna-se a primeira mulher a ser primeira-ministra britânica.

No entendimento de José Professor Pachêco e Renato Coelho de Farias, a correção do piso deve ser pelo custo aluno executado, e não pelo custo aluno estimado. Deste modo, índice de 2024 é 4,70%, e não 3,62%. Nesta linha, valor nominal deste ano é R$ 4.633,44, em vez de R$ 4.580,57. Foi o que divulgamos aqui em matéria do Dever...