Idade mínima de professores é 5 anos maior que a prevista para policiais! Leia e compartilhe...

16/02/2019 07:47

Impor idade mínima mais alta para professor se aposentar é uma injustiça e não gera economia, diz especialista

Economia | Segundo matéria de hoje (16) da Folha de S.Paulo, "o texto da reforma da Previdência a ser enviado pelo governo [Bolsonaro] deve prever que policiais federais e policiais rodoviários federais cumpram a idade mínima de 55 anos para ter direito à aposentadoria." Mesma idade mínima deve ser adotada também para policiais civis dos estados.


Professores no prejuízo

Por outro lado, se depender de Jair Bolsonaro e de sua equipe econômica, professores não terão essa mesma "regalia" de se aposentar antes dos 60. Pelo que foi divulgado pela 'grande' mídia até agora, idade mínima para aposentadoria dos educadores será de seis décadas. Uma grande piora na vida dos mesmos. Pelas regras atuais, mestres conseguem se aposentar bem antes de se tornarem sexagenários. Continua, após o anúncio.

Injustiça

Para o economista Cézar N Falcão, especialista em finanças públicas, é uma grande injustiça professores se aposentarem depois de policiais federais ou mesmo dos policiais civis dos estados. Diz ele:

"Os salários de policiais federais e dos policiais civis dos estados são muito maiores que os dos professores públicos e privados. Portanto, se o governo diz que quer economizar e fazer justiça, deveria inverter essa equação e colocar os educadores para se aposentar antes dos policiais. Ou, no mínimo, estabelecer também idade mínima de 55 anos para os mestres. Isto sim seria mais justo."

Piso Nacional dos professores para 2019:

R$ 2.557,74

Policiais Federais:

Salários iniciais variam entre R$ 11.983,26 e R$ 22.672,48 

Fonte: Correio WEB/2018

Greve Geral

A CUT e outras centrais sindicais organizam um amplo calendário de mobilizações contra a reforma do governo. Movimento pode chegar a uma Greve Geral, caso o governo insista em atacar a aposentadoria dos trabalhadores.

Leia e também: