Janeiro é pago ao magistério com reajuste superior a 12,84%!

30/01/2020

COMPARTILHE!

Educação / Apesar da choradeira quase geral, muitos gestores começam a cumprir piso nacional da educação.

Publicidade

Imagem: arquivos Webnode
Imagem: arquivos Webnode

Apesar da choradeira quase geral de prefeitos e governadores, várias informações positivas começam a surgir sobre o pagamento do piso do magistério. 

Segundo comentário feito por uma educadora em matéria do DEVER DE CLASSE, o prefeito de sua cidade pagou hoje (30) o mês de janeiro com reajuste de 13%, índice superior portanto ao estipulado pela lei do piso para este ano, que é 12.84%. Outros docentes também disseram que já receberam ou vão receber o reajuste na íntegra. Confira, após o anúncio.

Veja:

Segundo pesquisamos, o prefeito de Picuí é Olivânio Dantas Remígio, do Partido dos Trabalhadores (PT).

Vote na enquete!

COMPARTILHE!

Curta nossa página e receba atualizações sobre este e outros temas!

Anúncio

Mais recentes...

Benefício será depositado na conta de professores e todos os demais servidores da educação ainda neste mês de dezembro. Detalhe do anúncio mostra que não é só do Fundeb que há sobras de recursos, algo que deve ser observado pelo magistério de todo o Brasil.
Medidas visam adequar prefeitura de Teresina à Reforma da previdência criada pelo presidente Jair Bolsonaro, do qual o prefeito José Pessoa (MDB) é forte aliado. Direção do Sindserm-THE chama mobilização para Câmara Municipal, com o intuito de barrar as horrendas iniciativas.
Magistério de estados e municípios deve pressionar gestores sobre recursos, pois aprovação de lei sobre como proceder ao rateio encerra dia 31 deste mês, vez que dinheiro que sobrar deve ser devolvido em forma de abono ao magistério ainda neste ano. Vereadores e deputados estaduais devem ser acionados o quanto antes. O recesso parlamentar se...