PL 743/19 pode estimular a criação de super turmas para os professores, diz especialista

15/09/2021

Em vez de superlotar salas de aula, o correto é exigir turmas menores, para que os docentes e os alunos possam desenvolver de forma mais adequada o ensino-aprendizagem.

Publicidade

Kim Kataguiri (DEM-SP) bem que poderia se apresentar para fazer trabalho voluntário de limpeza nas escolas. Assim, teria alguma serventia ao povo. Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados.
Kim Kataguiri (DEM-SP) bem que poderia se apresentar para fazer trabalho voluntário de limpeza nas escolas. Assim, teria alguma serventia ao povo. Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados.

Educação | O deputado federal Kim Kataguiri (DEM-SP) quer que os estudantes cumpram o trabalho de zeladores de escolas. Para tanto, apresentou o Projeto de Lei (PL nº 1.990/19), que acrescenta um inciso na LDB nº 9.394/96

Dispositivo diz que "os estabelecimentos de ensino devem estimular ações destinadas a limpeza, manutenção e conservação do ambiente escolar por alunos." Ou seja, não é pouca tarefa que o deputado Kim Kataguiri quer delegar aos discentes.

PL de cunho liberal estava agendado para análise hoje (15) na Câmara. Se aprovado, pode contribuir para desempregar muitos profissionais humildes da educação, em particular das escolas públicas. Continua, após o anúncio.

Gestores vão gostar

Prefeitos e governadores, em vez de contratar um trabalhador para fazer o trabalho de zeladoria das escolas, poderão usar a mão de obra gratuita dos alunos. Com isso, economizam para aumentar suas próprias regalias.

O deputado Kim Kataguiri bem que poderia se apresentar para fazer trabalho voluntário de limpeza nos estabelecimentos públicos de ensino. Assim, teria alguma serventia ao povo. 

Compartilhe e curta abaixo nossa página no Facebook, para receber atualizações sobre este tema.

Faça uma pequena doação de um valor qualquer para que possamos continuar a manter este site aberto. Caso não possa ou não queira colaborar, continue a nos acessar do mesmo jeito enquanto estivermos ativos. Gratos.

PIX - CPF 22629149315  João Rosa Paes Landim Neto

Curta nossa página e receba atualizações sobre este tema!

Mais recentes sobre educação...

Lei Complementar contra o magistério, sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro em março deste ano, desconsiderou — para efeito de vários e importantes benefícios — quase dois anos de trabalho dos profissionais da educação, maio de 2020 a 31 de dezembro de 2021, fase crítica da pandemia de Covid-19. Na prática, é como se o magistério não tivesse...
Anúncios de pagamento devem se intensificar no mês de dezembro. Expectativa é que muitos estados e inúmeros municípios paguem o abono aos profissionais do magistério. CNTE luta para mudar critério de distribuição.