Expulsão | Maduro dá prazo de 48 horas para o mais alto diplomata dos EUA sair da Venezuela! Leia e compartilhe...

22/05/2018 18:11

Maduro e Todd Robinson, diplomata expulso da Venezuela
Maduro e Todd Robinson, diplomata expulso da Venezuela

"Eles devem deixar o país em 48 horas. É nosso protesto em defesa da dignidade da pátria venezuelana. Chega de conspirações!", afirmou Maduro, com muita firmeza

LEIA TAMBÉM:

Estranho | Na Venezuela, até os ditadores têm que ser eleitos pelo povo!

COM INFORMAÇÕES DO CLARÍN | Dois dias após vencer com facilidade as eleições presidenciais na Venezuela, Nicolás Maduro expulsou do território venezuelano Todd Robinson, o mais alto diplomata dos EUA na terra do chavismo. Robinson, acusado por Maduro de ser um conspirador contra os interesses econômicos, militares e políticos do povo da Venezuela, tem 48 horas para sair desse país. Maduro também ordenou a expulsão do chefe da seção política da embaixada, Brian Naranjo, a quem ele identificou como representante em Caracas da agência central de inteligência (CIA).

Segundo matéria do jornal argentino Clarín, "a decisão de expulsar o diplomata e o chefe da seção política da embaixada foi em resposta a um decreto assinado na segunda-feira por Donald Trump", que impõe severas sanções econômicas ao povo da Venezuela.

"Eu repudio todas as sanções que são impostas contra a República Bolivariana da Venezuela, porque elas machucam e geram sofrimento ao nosso povo", disse Maduro. (Continua, após o anúncio).

"Eles devem deixar o país em 48 horas. É nosso protesto em defesa da dignidade da pátria venezuelana. Chega de conspirações!" , afirmou o governante, com muita firmeza. 

LEIA TAMBÉM:

DA REDAÇÃO | O deputado Jair Bolsonaro (PSL-Rio) é só um laranja do PSDB, embora tenha conquistado uma legião de seguidores que tem forte antipatia pelos tucanos. Por que os fãs do "mito" não percebem que estão sendo enganados? Porque se guiam muito pela emoção e não por qualquer ínfimo sentido de racionalidade.