Brasil na luta pelo reajuste dos professores

21/03/2023
Atos ocorrem em todo o País nesta quarta-feira, 22 de março. Veja locais de mobilização.

PISO NACIONAL | Nesta quarta-feira — 22 de março — trabalhadores de todo o Brasil vão estar mobilizados em defesa da aplicação do reajuste do piso nacional do magistério nas carreiras da educação. Índice de correção salarial deste ano é 14,95%. E menor valor nominal que deve ser pago como salário-base para docentes com apenas o ensino médio é R$ 4.420,55. A jornada é de até 40 horas semanais. 

Organização

Os atos em todo o País estão sendo promovidos e organizados pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), em conjunto com seus sindicatos filiados,

Após o anúncio, veja locais de mobilização.


Veja a seguir os locais dos atos confirmados:

CEARÁ
Fortaleza - Assembleia Legislativa do Ceará e Credes, 9h

ESPÍRITO SANTO
Vitória - Debate Público na Assembleia Legislativa do Espírito Santo, 16h

GOIÁS
Em Goiânia o ato será realizado no dia 24/03 - Cepal do Setor Sul - 9h

PARANÁ
Curitiba - Boca Maldita - 10h

PERNAMBUCO
Recife - Em frente à ALEPE - 13h
Cabo de Santo Agostinho - Igreja Católica de Pontezinha - 8h

PIAUÍ
Teresina - Seduc - 8h30

Continua, após o anúncio.

RIO DE JANEIRO
Rio de Janeiro - Largo do Machado - 14h - seguida de passeata ao Palácio Guanabara

RIO GRANDE DO NORTE
O SINTE/RN vai transmitir uma LIVE sobre o tema - veja no canal do sindicato no Youtube: youtube.com/extraclassewebtv - a partir das 15h

RIO GRANDE DO SUL
Porto Alegre - Em frente ao Palácio Piratini - 9h

SANTA CATARINA
O Sinte/SC vai realizar mobilizações nas escolas.

SÃO PAULO
São Paulo - Masp - 17h

SERGIPE
Aracaju - Em frente à sede do Sindipema - a partir das 7h
Aracaju - Em frente ao Palácio dos Despachos - 8h

Siga-nos!

Cremos que você gosta de nossas publicações e quer nosso site sempre atualizado. Por isso, ajude com uma doação, pois temos vários custos a honrar todos os meses. Sem seu apoio, ficamos inviabilizados de dar sequência com regularidade ao nosso trabalho. Gratos, antecipadamente.

Chave para Pix

E-mail: pix@deverdeclasse.org

João R P Landim Nt

Colabore no Vaquinha

PIX

E-mail: 3435969@vakinha.com.br

Mais recentes sobre piso do magistério

No entendimento de José Professor Pachêco e Renato Coelho de Farias, a correção do piso deve ser pelo custo aluno executado, e não pelo custo aluno estimado. Deste modo, índice de 2024 é 4,70%, e não 3,62%. Nesta linha, valor nominal deste ano é R$ 4.633,44, em vez de R$ 4.580,57. Foi o que divulgamos aqui em matéria do Dever...

De acordo com o critério de correção anual, índice passa a ser 4,70%, e não os 3,62%, calculados com base em Portaria Interministerial anterior. E valor nominal sobe de R$ 4.480,57 para R$ 4.633,44. Estados e municípios receberão mais de meio bilhão de reais extras do Fundeb.