Fundeb | Verbas crescem, mas mudança no piso prejudica professores! Acesse...

16/09/2019
Deputada Professora Dorinha. Foto: Cleia Viana/Câmara dos Deputados.
Deputada Professora Dorinha. Foto: Cleia Viana/Câmara dos Deputados.

Educação | Segundo matéria de hoje (16) do Globo, Câmara propõe que complementação da União em relação ao Fundeb suba de 10% para 40% em dez anos. Relatora da PEC em relação a isso é a deputada Professora Dorinha (DEM-TO). "A proposta do MEC, contudo, é de complementação máxima de 15% em cinco anos." Continua, após o anúncio.

Proposta de novo cálculo prejudica professores

Apesar da previsão de aumento dos recursos do Fundeb, perspectivas não são boas para os professores. A Confederação Nacional dos Municípios — CNM — quer mudar a fórmula do cálculo do piso nacional do magistério. Atualmente, pelo que reza a lei federal 11.738/2008, o piso é corrigido pelo mesmo percentual de crescimento do custo-aluno. Prefeitos e governadores, contudo, querem que correção seja apenas pela inflação oficial do governo. Alegam que fórmula de cálculo atual quebra estados e municípios.


Impacto

Caso a fórmula de cálculo do piso mude, tal como quer a CNM, docentes serão muito prejudicados. Crescimento pelo custo-aluno é sempre maior que a inflação oficial, conforme se observa na tabela após o anúncio.

Os professores precisam ficar atentos a tal questão. Se pleito da CNM vingar, ganhos dos magistérios ficarão ainda mais prejudicados. 

Curta nossa página e receba atualizações sobre este e outros temas!

Mais recentes do site:

Deixe de aterrorizar os brasileiros com suas ameaças. Aceite que a maioria do povo não o quer mais. Vá rezar, se benzer, tomar um banho de sal grosso no lombo. Peça perdão por seus crimes cometidos na presidência. O Brasil quer é Lula de novo", diz um dos trechos enviado pela docente.
Jair Bolsonaro sabe que as urnas são seguras e que as pesquisas refletem vitória de Lula no primeiro turno, tal também como acertaram em relação ao próprio atual presidente em 2018. Por isso, só resta ao capitão berrar, para tentar tumultuar o dia do pleito e ganhar no grito. Coisa de baderneiro desesperado", diz o cientista político, que faz...