Parlamentares criticam desmonte do Fundeb feito  por aliados de Bolsonaro na Câmara

10/12/2020

COMPARTILHE!

Publicidade

PT, PSOL e PCdoB votaram contra destinar dinheiro do Fundeb para escolas privadas.

Jandira Feghali (PCdoB-RJ) e toda a esquerda votaram contra o desmonte do Fundo que mantém a escola pública. Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados.
Jandira Feghali (PCdoB-RJ) e toda a esquerda votaram contra o desmonte do Fundo que mantém a escola pública. Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados.

Educação | Aliados do presidente Bolsonaro na Câmara aproveitaram ontem (10) a votação do PL 4.372/2020, que regulamentou o Fundeb, para aprovar a destinação de recursos públicos desse Fundo para escolas privadas. Parlamentares de oposição ao governo, em particular do PT, PSOL e PCdoB, votaram contra tal iniciativa e usaram suas redes sociais para criticar seus "colegas" de parlamento e o desmonte do Fundo que mantém a educação básica pública de estados e municípios e os salários dos profissionais do magistério. Veja, após o anúncio.

Jandira Feghali (PCdoB-RJ):

Natália Bonavides (PT-RN):

Marcelo Freixo (PSOL-RJ):

COMPARTILHE!

Faça uma pequena doação de um valor qualquer para que possamos continuar a manter este site aberto. Caso não possa ou não queira colaborar, continue a nos acessar do mesmo jeito enquanto estivermos ativos. Gratos.

Doar com PagSeguro

Curta nossa página e receba atualizações sobre este e outros temas!

Mais recentes...

1932. O mafioso Al Capone começa, em Atlanta, a cumprir uma sentença de onze anos de prisão por sonegação de impostos.

1979. Margaret Thatcher vence as eleições gerais do Reino Unido e torna-se a primeira mulher a ser primeira-ministra britânica.

No entendimento de José Professor Pachêco e Renato Coelho de Farias, a correção do piso deve ser pelo custo aluno executado, e não pelo custo aluno estimado. Deste modo, índice de 2024 é 4,70%, e não 3,62%. Nesta linha, valor nominal deste ano é R$ 4.633,44, em vez de R$ 4.580,57. Foi o que divulgamos aqui em matéria do Dever...