"Não quero meu filho morto na Venezuela para defender interesses dos EUA", diz mãe de militar! Leia e compartilhe...

22/02/2019 08:11

Imagem: pixabay
Imagem: pixabay

Não existe ideia de "ajuda humanitária" dos EUA ao povo da Venezuela. O que o governo Trump quer mesmo é se apropriar das reservas de petróleo da terra de Chávez e Maduro

Internacional | O governo Trump —  sob o pretexto de promover "ajuda humanitária" à Venezuela — está de fato é de olho nas reservas de petróleo do nosso vizinho sul-americano. Por conta disso, quer o apoio das Forças Armadas do Brasil para intervir militarmente na terra de Chávez e Maduro. 

O apoio seria o envio de militares brasileiros para combater em território venezuelano, embora o general Mourão tenha declarado recentemente que "seria muito prematuro e muito fora de propósito os Estados Unidos realizarem uma intervenção militar dentro da Venezuela."

Diante do impasse, muitos familiares de militares estão bastante apreensivos. Uma mãe de um sargento do Exército — que prefere não se identificar — nos declarou em Teresina, durante manifestação contra a Reforma da Previdência:

"Não quero meu filho morto na Venezuela para defender interesses dos EUA!"

Leia também: