Indenizações do PASEP chegam a quase R$ 100 mil! Veja como receber e compartilhe....

02/11/2018 09:43

Cobrança é feita junto ao Banco do Brasil e trata-se de direito líquido e certo. Servidores da União, estados e municípios podem solicitar

Dinheiro | Segundo o advogado Henry Wall Freitas, quem sacou o PASEP nos últimos dez anos e ingressou no serviço público antes de 5 de outubro de 1988 tem correção para receber de quase R$ 100 mil. O advogado esclarece que quem recebeu mais recentemente ou na última década valor, por exemplo, de cerca de R$ 472,00, consegue recuperar até R$ 45 mil. Quem sacou acima de R$ 1.000,00, a atualização chega a perto de R$ 100 mil. Vários casos nesse sentido já foram ganhos com ações na justiça impetradas por membros desse Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público. O processo judicial é feito junto ao Banco do Brasil. Para contactar o Dr Henry Wall: (86): 99924-0358 (Continua, após o anúncio).

Documentação

Henry Wall explica que os membros do PASEP devem ir ao Banco do Brasil e solicitar o extrato de quanto receberam no momento do saque e uma microfilmagem do Programa que vai da data da posse no serviço público (União, estados ou municípios) até 5 de outubro de 1988. Além disso, é preciso também cópia de documentos pessoais, como RG, CPF e comprovante de endereço. Para quem está aposentado, é necessário ainda documento que comprove a aposentadoria. Para quem está na ativa, xerox de contracheque atualizado. Microfilmagem é entregue pelo BB num prazo máximo de 30 dias. Depois, é só procurar um advogado particular e entregar toda a documentação.


Direito líquido e certo

O advogado pondera por fim que se trata de causa certa, ou seja, quem ingressa na justiça, ganha. Por se tratar de correção que corresponde a um período de 30 anos, os valores sempre são significativos, independentemente de quanto tenha sido o valor do saque feito por cada membro do PASEP.

Com informações de: maisvisto.com

Mais recentes sobre dinheiro: