Salários | Servidor pode perder R$ 5 mil com projeto que governo quer reeditar! Acesse...

08/06/2019 14:24

Presidente Bolsonaro. Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil.
Presidente Bolsonaro. Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil.

Concurseiros serão bastante prejudicados

ECONOMIA | O governo Bolsonaro quer retomar projeto do governo Temer que limita salários do funcionalismo a no máximo R$ 5 mil. Medida dificulta também o crescimento na carreira dos servidores. Atualmente, um funcionário federal chega ao topo da carreira em treze anos. Bolsonaro e sua equipe econômica querem elastecer esse prazo para três décadas. Caso isto passe, provavelmente muitos servidores chegarão ao topo da carreira quando já estiverem à beira da morte.

Prejuízos

O projeto que Bolsonaro quer desengavetar dos porões do governo Temer é extremamente prejudicial a várias carreiras de servidores públicos em todo o país. Um Policial Rodoviário Federal, por exemplo, ganha atualmente cerca de R$ 10 mil de piso salarial. Com a medida, um PRF concurseiro que entrar perde de cara R$ 5 mil. Isto sem falar no longo tempo que terá que cumprir para chegar ao topo da carreira.

Continua, após o anúncio.

Economia

Segundo o site Correio Brasiliense, "a previsão era de que [no governo Temer], com todas essas medidas contra o funcionalismo, se chegaria a uma economia de R$ 70 bilhões, em 10 anos." Este valor pode ser ampliado, caso a equipe econômica de Bolsonaro decida piorar ainda mais o projeto.

Mobilização

Servidores e concurseiros de modo geral precisam se mobilizar para que tal medida não seja aprovada. Dia 14 é dia de Greve Geral.

Curta nossa página e receba atualizações sobre este tema!

Postagens mais recentes: