PT deve reforçar ida a Curitiba! Foram criados novos álibis para a prisão de Lula . Saiba mais...

03/04/2017 14:09

Da Redação | No seu clássico "Batismo de Sangue" (1982), o escritor e religioso Frei Betto narra em um dos capítulos o assassinato em 1940 do revolucionário russo Leon Trotsky, no México. Em um dos trechos, diz: "A morte não costuma mandar aviso prévio. A imaginação assassina ultrapassa os limites da lógica e do razoável". Em seguida, o domicano expõe como Trotsky, mesmo vivendo em uma fortaleza aparentemente intransponível, foi morto dentro de casa através de um sofisticado ardil, onde seu assassino, o espanhol Leon Mercader, ganhara a confiança da família.

Guardadas as devidas e necessárias proporções, os que pensam em eliminar o ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva (PT) da vida política do país também não medem esforços para alcançar tal intento. Embora não com a mesma habilidade dos mandantes e do assassino de Leon Trotsky, o juiz Sérgio Moro, a Rede Globo, Veja e todos os demais grandes golpistas do país não descansarão enquanto não prenderem ou inviabilizarem Lula de alguma outra forma para as eleições de 2018.

Para tanto, os que fazem a implacável caçada contra Lula utilizam-se também de muitos ardis. De condução coercitiva a produção de filme sensacionalista, para tentar execrar o líder maior do PT, de tudo é feito. Até aqui, entretanto, em vão. Lula só cresce nas pesquisas.

Talvez mesmo por isso e porque veem o tempo perigosamente passar e o jogo se aproximar de um desfecho que lhes pode ser desfavorável, os golpistas agora, a nosso ver, criaram mais dois álibis para tentar encarcerar Lula e/ou tirar a pecha de que o mesmo está sob as miras da "justiça" e da PF tão somente porque é do Partido dos Trabalhadores. A condenação de Eduardo Cunha a quinze anos de cadeia e trinta de inegelibidade, e a execração feita contra Aécio Neves na anti lulista e odienta revista Veja, podem ser os ardis para tentar iludir a opinião pública e dar o bote final em Lula e no PT. "A lei é para todos", até filme já existe para reforçar a tese. 

Tal quadro impõe, portanto, que o PT e todas as forças democráticas do país reforcem a ida a Curitiba em 3 de maio, data marcada para Lula se encontrar em audiência com o juiz Sérgio Moro. Do Contrário, não é descartada a ideia de que Lula poderá sair da audiência para a prisão.

O que está em jogo não é uma mera briguinha partidária para saber quem está com a verdade ou não. O que está em jogo é uma disputa pelo poder central do país, na qual os que se julgam donos do Brasil não admitem mais a presença de Lula ou do PT.

Quem imaginava que Dilma Rousseff fosse cair? Até o início de 2016, mesmo para muitos dentro do próprio PT, isto era visto como mera especulação sem chances de ocorrer. Após o impeachment, quem acreditava que Eduardo Cunha seria preso e depois condenado a 15 anos de prisão?

Como ensina Frei Betto, "a morte não costuma mandar aviso prévio". No entanto, como afirma também, "a imaginação assassina ultrapassa os limites da lógica e do razoável". Já deram o sinal e criaram mais álibis, com a prisão de Eduardo Cunha e a execração de Aécio, que poderá inclusive ser preso também, se necessário for, para reforçar a trama. Prender Lula, assim, para eles será apenas consequência e motivo de comemoração.

Leia também:

DA REDAÇÃO | O conluio entre Gilmar Mendes (STF) e Aécio Neves (PSDB) é realmente muito forte. Segundo matéria da Folha de S.Paulo (19), "Mendes conversou com Aécio no dia 25 de abril de 2017, quando deu decisão favorável ao tucano para que ele não precisasse prestar depoimento à Polícia Federal em um dos inquéritos da Lava Jato. A informação...

DA REDAÇÃO | No último dia 13 deste mês de outubro, "o Supremo Tribunal Federal (STF) reafirmou sua jurisprudência dominante no sentido de que o tempo de serviço prestado por professor fora da sala de aula, em funções relacionadas ao magistério, deve ser computado para a concessão da aposentadoria especial (artigo 40, parágrafo 5º, da Constituição...