FIM DA CLT | Para maximizar lucros, empresas anunciam demitir celetistas e contratar terceirizados e autônomos, diz matéria da Folha! Leia e compartilhe...

04/08/2017 11:50

DA REDAÇÃO | O Brasil de miseráveis que Michel Temer (PMDB) e bando querem contruir já está a pleno vapor. Matéria de ontem (3) da Folha de S.Paulo diz:

"Com a aprovação da reforma trabalhista e da lei de terceirização, empresas já estudam como substituir a mão de obra empregada por pessoas jurídicas sem violar a lei."

"Construção civil, TI (tecnologia da informação) e comércio estão entre as áreas em que já se preveem alternativas para maximizar os lucros." (Grifo nosso)

"As empresas querem demitir o celetista e contratar um autônomo ou terceirizado."

Tal fato é a expressão mais bem acabada do enorme atraso que representam todas as "reformas" propostas pelo bandidão Michel Temer. O ilegítimo quer na prática restabelecer a volta da escravidão no país, onde os trabalhadores terão direito apenas a comer para ter forças e trabalhar quase de graça para os patrões.


Tese desmascarada

O texto serve também para desmentir a tese de que com o fim da CLT mais postos de trabalho seriam criados. Como já se vê, não será criado posto de trabalho novo nenehum, mas apenas a substituição gradual dos atuais celetistas por terceirizados e autônomos, isto é, por trabalhadores sem nenhum direito.

LEIA TAMBÉM:

Por Landim Neto* | Através de uma Nota Pública politicamente de baixo calão, a ex-deputada Luciana Genro (PSOL) apoia de forma dissimulada a condenação de Lula (PT) a quase dez anos de prisão, embora o Juiz Sérgio Moro não tenha apresentado em sua sentença nenhuma prova de ilícitos contra o petista. Mesmo de esquerda, Genro intervém no caso...