Investigação chega a Bolsonaro e pesquisa aponta que o capitão pode ter mesmo destino de Fernando Collor! Leia e compartilhe...

08/12/2018 08:22

Explicações dadas por Bolsonaro para o caso em que seu filho, esposa e assessora são citados em transações financeiras suspeitas não convencem / Foto: Valter Campanato/Agência Brasil
Explicações dadas por Bolsonaro para o caso em que seu filho, esposa e assessora são citados em transações financeiras suspeitas não convencem / Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

As investigações do COAF e as 'ligações perigosas' entre a família Bolsonaro e amigos. Pesquisa indica que o caso pode levar o capitão a cair muito cedo

Palavra-chave: Bolsonaro | Investigação do COAF que cita Flávio Bolsonaro e Michelle Bolsonaro chega agora também ao presidente eleito Jair Bolsonaro. Investigadores descobriram que Nathalia Melo de Queiroz é uma das beneficiárias de dinheiro suspeito movimentado por seu pai — Fabrício Queiroz — ex-motorista de Flávio Bolsonaro. Segundo o site Metrópoles, Nathalia era até o mês passado (novembro) assessora parlamentar do capitão reformado do Exército. Isto traz sérias complicações ao presidente eleito, que pode ter o mesmo destino de Fernando Collor e cair muito cedo. Ver 'ligações perigosas' do caso após o anúncio e vote na enquete ao final da matéria.

Explicações dadas pelos suspeitos até aqui não convencem e pesquisa aponta que o capitão poderá ter o mesmo destino de Fernando Collor e ser apeado muito cedo da presidência. Isto, se assumir. Após o anúncio, dê também sua opinião e vote na enquete abaixo.

Leia também: