Medo de Lula faz jornalão O Globo lançar Carmem Lúcia presidente já em 2017! Clique e dê sua opinião

15/01/2017 10:49

Ministra Cármem Lúcia | Foto: Agência Brasil
Ministra Cármem Lúcia | Foto: Agência Brasil

A tentativa de empurrar goela abaixo dos brasileiros a ministra Cármem Lúcia objetiva criar um 'ar fictício de normalidade e seriedade' no país, algo que com Michel Temer comprovadamente não é possível fazer. E é tudo também mais um mirabolante plano para isolar e/ou enfraquer a candidatura Lula, imbatível até aqui.  Vote na enquete ao final da matéria

Da Redação | Em artigo hoje (15) no jornalão O Globo (Carmem Lúcia, presidente), o articulista Elio Gaspari defende a eleição indireta da ministra Cármem Lúcia para presidente da república logo em 2017. Retórica faz parte da desesperada campanha midiática dos Marinhos contra a candidatura Lula, abominada por eles. Em editorial de ontem (14), O Globo já tece também uma série de comentários descabidos sobre suposta 'dupla condenação' do petista e sua inviabilização legal para ir às urnas este ano ou em 2018.

Gaspari, após desdenhar do Temer e fazer rasgados elogios à presidente do STF, conclui seu texto assim: 

"O desembaraço e a exposição conseguidos pela ministra seriam apenas um asterisco se o nome dela não estivesse na lista de prováveis candidatos a presidente da República. Numa eventual eleição indireta para substituir Temer, com certeza. Na disputa de 2018, talvez". (Grifo nosso).

Pelo que o jornalista explicita, a ideia só é viável mesmo para Cármem Lúcia se ela não tiver que passar pelo crivo das urnas. Outra conclusão óbvia é que O Globo não alimenta mais tantas esperanças no Temer, cada vez mais uma pinguela.

A tentativa de empurrar goela abaixo dos brasileiros a ministra Cármem Lúcia objetiva criar um 'ar fictício de normalidade e seriedade' no país, algo que com Michel Temer comprovadamente não é possível fazer. Ela assumiria sem votos e, em 2018, com a caneta na mão, teria chances de ganhar nas urnas ou passar a faixa para alguém da confiança da Globo. É o que imaginam. 

E é tudo também, obviamente, mais um mirabolante plano para  isolar e/ou enfraquer a candidatura Lula, imbatível até aqui. 

ENQUETE

Leia também: