ESCÂNDALO! Temer torrou bilhões para permanecer impune! Leia e compartilhe...

05/08/2017 12:32

As negociatas de Temer para permanecer no poder alcançaram a cifra de R$ 48,8 bilhões. Veja os detalhes no final da matéria. Até setembro, Rodrigo Janot vai disparar outra denúncia contra o temeroso. O povo terá que pagar novamente para livrar mais uma vez a cara do golpista?

DA REDAÇÃO | Falta dinheiro para melhorar a Educação e a Saúde? As verbas para a segurança pública e o saneamento básico são escassas? Michel Temer (PMDB) explica: boa parte da grana para esses e outros setores foram desviados para comprar deputados que impediram Temer de ser afastado da presidência e investigado pelo Ministério Público Federal.

Segundo levantamento feito pela Folha de S.Paulo, Temer distribuiu os seguintes recursos públicos para continuar impune:

Emendas parlamentares

Entre junho e julho, a promessa de pagar projetos paroquiais aos deputados alcançou R$ 2,3 bilhões. 

Ruralistas

Parcelamento camarada de dívidas de ruralistas terá impacto fiscal superior a R$ 10 bilhões nos próximos anos.

Refis

Planalto se fez de morto na negociação do novo Refis, comprometendo uma receita de R$ 13 bilhões neste ano 

Folha de pagamento

Com a reoneração da folha de pagamento, governo deixou ir pelo ralo outros R$ 2,5 bilhões em 2017. 

Governadores

Pós-delação, Temer ainda reuniu governadores e prometeu acelerar o refinanciamento de R$ 21 bilhões em débitos dos Estados com o BNDES.

TOTAL

As negociatas de Temer para permanecer no poder alcançaram a cifra de R$ 48,8 bilhões. Até setembro, Rodrigo Janot vai disparar outra denúncia contra o temeroso. O povo terá que pagar novamente para livrar mais uma vez a cara do golpista?

Deixe seu comentário e compartilhe...

LEIA TAMBÉM:

DA REDAÇÃO | Em entrevista à Folha de S.Paulo (22), o ministro Henrique Meirelles (Fazenda) soltou algumas pérolas e disse quase de forma direta que os trabalhadores rejeitam Lula, aceitam perder direitos com as reformas e querem mesmo é um governo que dê mais proteção aos ricos. Meirelles, filiado ao PSD, é o principal assessor de Michel Temer...

DA REDAÇÃO | Segundo matéria da Folha (17), "cinco militantes anti-Lula foram detidos pela Polícia Militar da Bahia na noite de quinta-feira (17) após um deles [Adjalbas Pereira ] sacar uma arma durante chegada do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a Salvador." Um outro anti-Lula, Jarrão, também foi detido sob acusação de porte de armas.