Após Greve Nacional, Temer manda o povo escolher se quer morrer de tiro, facada ou barroada! Veja...

15/03/2017 22:02

Foto: Agência Brasil
Foto: Agência Brasil

Da Redação | Numa mistura de deboche, desespero e muita cara de pau, o presidente golpista Michel Temer (PMDB) manda o povo escolher se quer 'morrer de tiro, facada ou barroada'. O sinistro leque de opções ofertado pelo 'temeroso' foi exposto hoje (15) publicamente nos jornalões Folha de S.Paulo e Estadão: "Ou reforma da previdência e fim da aposentadoria, ou corte de ativos, aposentados e eliminação até do 13º salário".

Morrer de tiro seria aceitar a reforma da previdência que ele quer impor. Morrer de facada seria concordar com demissão de trabalhadores, cortes de aposentados e eliminação até do 13º salário. E morrer de barroada é continuar com ele (Temer) na presidência da república. 

O povo já disse o que quer

O povo brasileiro já disse hoje o que quer em todo o país: Fora Temer, não à reforma da previdência e eleições gerais para que se coloque novamente no governo alguém comprometido com os interesses coletivos, como Lula ou outro de feição progressista, democrática e sem qualquer laço com os interesses dos grande capitalistas.

Mande também nos comentários uma mensagem particular ao golpista!

Leia também:

DA REDAÇÃO | O conluio entre Gilmar Mendes (STF) e Aécio Neves (PSDB) é realmente muito forte. Segundo matéria da Folha de S.Paulo (19), "Mendes conversou com Aécio no dia 25 de abril de 2017, quando deu decisão favorável ao tucano para que ele não precisasse prestar depoimento à Polícia Federal em um dos inquéritos da Lava Jato. A informação...