A ofensiva de Tet. E o ano do porco

25/12/2016

Por Renato Uchôa, Educador
Por Renato Uchôa, Educador

Todos os povos que invadiram o Vietnam foram derrotados. Mais cedo ou mais tarde. Os chineses, por séculos, ficaram mais tempo. Outros povos, japoneses... Os americanos depois dos franceses amargaram a pior derrota em toda a história de opressão e covardia dos EUA. Na matança que fazem para invadir países e saquear as riquezas. Aqui, pela ação entreguista do país pelos golpistas subservientes e traidores do Brasil no ano que finda. Não soltaram um traque.] 

A Guerra do Vietnam foi uma das mais sangrentas da história da humanidade. De nada vale todo o poder se o povo não apoia os inquilinos dos palácios, que traem a população, entregam as riquezas, governam para as minorias, açoitando de todas as formas as camadas subalternas. E lambe as botas dos governantes de países estrangeiros, como o governo golpista de Temer.

Destroçaram o país com armas químicas, biológicas, praticamente todos os povoados do Norte. Mudaram cursos de rios, queimaram as aldeias e florestas com napalm (com mais de um milhão de mortos). Por mais criminosos e aterrorizantes que sejam os bombardeios, que massacram civis adultos e crianças, a guerra é decidida quando os invasores pisam na Terra Mãe.

O general Vo Nguyen Giap (um professor) sabia disso, conhecedor profundo das guerras foi o grande estrategista da vitória. Escolhido por Ho Chi Minh, que criou em 1936 o Viet Minh. Um braço armado da luta de libertação. Da Frente de Libertação do Vietnam criada em 1930. Organizou um exército de camponeses, plantadores de arroz. Derrotou o maior poderio bélico do mundo. Importante registrar, o governo americano, em tonelagem, jogou uma quantidade de bombas maior que todas as da 2ª Guerra Mundial.

A Ofensiva de Tet mudou a guerra. Em 31 de janeiro de 1968, com a chegada do Ano do Macaco, portanto, véspera do Tet, do ano novo Lunar vietnamita. Quando os terroristas americanos (exército) comandado pelo general William Westmoreland divulgava para a imprensa internacional que a guerra estava decidida em favor dos EUA. Ho-Chi-Minh e Giap planejaram um ataque a 36 capitais provincianas (das 44 existentes), e inúmeras cidades do Vietnam do Sul, inclusive com a ocupação da Embaixada Americana por várias horas, com destruição de 30 aeronaves na maior base americana em Da Nang.

A represália americana nas aldeias de My Lay, My Khe fez com que o mundo inteiro se revoltasse contra o terrorismo americano no Vietnam: a barbárie chegou ao ápice, a matança covarde com requintes de perversidade de mais de quinhentos civis desarmados. Velhos, crianças e civis foram trucidados. A carnificina no Vietnam custou US$ 200 bilhões, 50 mil mortos e 300 mil feridos do lado americano em quase uma década de terror. Uma retirada vergonhosa. Em pânico. Em 1973 centenas de helicópteros que pousavam nos porta-aviões foram jogados ao mar. No dia 30 de abril de 1975 os vietcongues tomaram Saigon, decretando o fim do Vietnã do Sul, e unificaram o país em julho de 1976, que estava dividido entre Norte e Sul por um Tratado de Genebra de 1954. Ponto final "Era um garoto que como eu, amava os Beatles e os Rolling Stones...".

No Brasil, que não tem ano lunar, mas podemos adotar como o Vietnam..., poderíamos denominar o Ano Novo que se aproxima (2017) como o Ano do Porco. Daqueles que tornaram o país, após o Golpe, o maior chiqueiro a Céu Aberto do mundo. A ofensiva de Tet é um exemplo que pode ser posto em prática para derrotar o governo golpista de Temer. Que transformou o país em uma pocilga de atuação de dezenas de gangues políticas na venda das riquezas do país, na destruição das políticas públicas que deram dignidade aos brasileiras/as, na retirada dos direitos trabalhistas... Com a instalação do Estado de Terror que usa todos os Aparelhos Repressivos do Estado, sem exceção, para praticar todas as formas de violência contra a população brasileira, que aos poucos vai entendendo o motivo do roubo do mandato da presidente Dilma.

É simples assim, bastando que o PT, PC do B, a esquerda em geral, que têm Diretórios em milhares de cidades do Brasil, se preocupe menos com as eleições de 2018, que pode não acontecer, e muito mais com uma ação mais concreta no enfrentamento do Estado de Terror e trabalharmos para construir o Dia de Combate e Luta contra os golpistas em todos os municípios brasileiros.

A população atônita, desorganizada, com raiva de o governo Temer só espera uma Direção Nacional que aponte que é possível numa tacada só marcamos nossa posição de Norte a Sul, Leste a Oeste, e impor a nossa hegemonia intelectual e moral nas ruas e avenidas do Brasil. Na expulsão do Usurpador Temer do Palácio do Planalto. E a varredura de todos os golpistas das Instituições. Como traidores da Pátria.

A luta para derrubar o Golpe deve ser deslocada do Parlamento, onde as Gangues estão representadas e têm ampla maioria, sendo qualquer ação dos parlamentares comprometidos com a luta inócua. Eles parlamentares, para além dos discursos e aparições bombásticas, deveriam fazer um Cooper todos os dias em direção ao STF. Pelo menos isso.

É simples assim, o PT maior partido da frente de esquerda tem a obrigação moral de devolver aos brasileiros/as, com todos nós da luta, o Estado Democrático. Vez que deixou rolar desde o Mensalão o movimento golpista que criou asas no 2º mandato de Lula e em toda a gestão da presidenta Dilma. Nas barbas de Lula e nas pontas das unhas pintadas da presidenta Dilma, que sobre o argumento do Republicanismo, as Instituições foram sendo corrompida à luz do dia. Deu no que deu. A crítica é para os adultos como dizia Paulo Freire.

A Ofensiva do Porco, em 2017, Ano Lunar que se aproxima, devemos pressionar e construir um comando centralizado com a participação dos movimentos sociais do campo e da cidade, pararmos o país com manifestações em todos os municípios do Brasil , sem papo de ninar. Resistir o golpe é preciso. Derrotar o golpe uma das mais belas ações do povo brasileiro. As condições subjetivas vão se configurando, o governo Temer se deteriorando, com uma avaliação quase unânime de que não vale o peido de uma gata como diz Dona Chica do Azeite. A mesma avaliação do corvo FHC que quer ser presidente do Brasil pela via indireta. No tapete.

Conteúdo recomendado:

O PSTU perdeu importante sindicato em Teresina, capital do Piauí. Nas eleições do SindsermThe, ocorridas dia 15 de fevereiro, a chapa composta por integrantes deste partido ficou em segundo lugar e perdeu para um agrupamento denominado "Ruptura Socialista", composto inclusive por muitos ex-militantes do próprio PSTU. O partido de Zé Maria e Eduardo...